Curta nossa página e acompanhe tudo o que acontece!

Pesquisa

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Plano de Curso anual completo

Estou recebendo emails de vários professores e pedagogos solicitando modelo de planejamento anual para 2012. Bom como muitos de vocês sabem, cada escola segue o seu padrão pedagógico, portanto planejamento anual único seria imporssível existir, cada escola possui uma clientela diferente devido a raça, cultura e aquisição social.
Mas, encontrei um planejamento elaborado para o ano de 2009 da prefeitura do Rio de Janeiro, onde ao meu ver, tem bastante informações englobando todos os eixos da educação infantil do nível I ao VI.
Vou deixar uma prévia no blog e logo abaixo o link para vocês estarem baixando no blog ok?

Até mais e tenham um ótimo trabalho!


APRESENTAÇÃO
“(...) Protege-me das incursões obrigatórias que sufocam o prazer da descoberta
e com o silêncio ( intimamente sábio ) das tuas palavras e dos teus gestos
ajuda-me serenamente a ler e a escrever  a minha própria vida.”
Ademar Ferreira. In: ALVES, Rubem.  A escola com que sempre sonhei
sem imaginar que pudesse existir.

Caro(a) professor(a)/monitor(a),
Mais um ano letivo se inicia, trazendo novos desafios que nortearão sua prática docente.
Desse modo, com o intuito de auxiliar o planejamento de suas ações didático-pedagógicas, a curto,
médio e longo prazo, apresentamos o Plano de Curso de Educação Infantil. As sugestões de
alteração que vocês nos enviaram foram analisadas criteriosamente, pela Seção de Educação
Infantil e pelos Coordenadores Pedagógicos, e contempladas quando pertinentes.
Ressaltamos que este plano é anual, não dispondo, portanto, de uma divisão bimestral dos 
conteúdos, visto tratar-se, como o próprio nome diz, de um plano, e não de um planejamento.
Dessa forma, caberá a você, professor(a)/monitor(a), após o período de conhecimento de seu grupo-
classe, o que compreende os diferentes procedimentos diagnósticos, estudar este plano e as
orientações didáticas e outros subsídios que o precedem, a fim de construir, com autonomia, o
melhor percurso pedagógico junto a seus alunos, ou seja, elaborar o “planejamento” propriamente
dito.
O Plano de Curso da Educação Infantil apresenta a seguinte estrutura:
• Objetivos gerais da Educação Infantil que apontam o que se espera que a criança domine
em longo prazo;
• Objetivos específicos de cada eixo de trabalho;
• Conteúdos dos eixos de trabalho, distribuídos em três categorias:
o Conteúdos Conceituais:    que dizem respeito ao conhecimento de conceitos, fatos e
princípios;
o Conteúdos Procedimentais:    referem-se ao saber fazer;
o Conteúdos Atitudinais:    que estão associados a valores, atitudes e normas.• Orientações Didáticas.
O trabalho na Educação Infantil está centralizado em conteúdos procedimentais devido às
especificidades da faixa etária; portanto, depende muito da postura e das situações didáticas
utilizadas pelo educador para que as competências infantis sejam estimuladas e as habilidades
desenvolvidas.
Um elemento que merece destaque é o aspecto lúdico, tão presente e necessário no universo
infantil. Uma prática pedagógica que muito favorece o referido desenvolvimento é o brincar, pois se
trata de um instrumento pedagógico que atende às necessidades tanto de aprendizagem como de
ensino.
Cabe ainda dizer que, em razão dos conteúdos conceituais, manteve-se a divisão por eixos
de trabalho, o que, no entanto, não invalida a abordagem interdisciplinar do trabalho em sala de
aula. Resguardadas as especificidades de cada área do conhecimento, o que, em sua maioria,
constrói-se por meio dos conteúdos conceituais, é por intermédio da aprendizagem dos outros
conteúdos – os procedimentais e os atitudinais – que a interdisciplinaridade ocorre. Certos
procedimentos também se aplicam com exclusividade a um eixo de trabalho, porém, em sua
maioria, assim como as atitudes a serem desenvolvidas pelas crianças, esses perpassam todas as
áreas do conhecimento, em maior ou menor escala, durante certa etapa de sua aprendizagem. É
nesse sentido, portanto, professor(a)/monitor(a), que seu planejamento deve se orientar, buscando
garantir a construção dos saberes próprios de cada eixo de trabalho, concomitantemente à dos que
se apreendem de uma forma transversal.
Importa dizer que, ao falarmos dos conceitos mais específicos de cada eixo, não estamos
dizendo que o vínculo entre esses saberes não possa ser estabelecido, até porque ele existe
naturalmente nos conhecimentos instituídos, mas sim que há conceitos  próprios de Linguagem Oral
e Escrita, os quais não dizem respeito à Matemática e vice-versa. Portanto, não é necessário
“forçar” tal aproximação, criando situações de aprendizagem vazias de significado. Por outro lado,
há conceitos que pertencem a mais de um eixo, demandando, assim, que sejam construídos
interdisciplinarmente.
Desse modo, professor (a)/monitor(a), buscando auxiliá-lo no planejamento de suas ações e
intervenções em sala de aula e na elaboração de atividades significativas para a aprendizagem de
seus alunos, elaboramos algumas orientações didáticas para cada eixo de trabalho, em que se
abordam mais profundamente esses aspectos apresentados. Recomendamos a leitura dessas
orientações paralelamente à leitura do plano em si.
Indicamos também, no final deste documento, algumas sugestões de referências
bibliográficas para aprofundamento dos temas aqui expostos, assim como o endereço do site da SEDUC, no qual você encontra subsídios teórico-práticos para download, além de outras
informações interessantes. Lembramos ainda que estamos à disposição para esclarecer eventuais
dúvidas, apontar sugestões, analisar coletivamente as dificuldades, a fim de colaborar na escolha
dos percursos pedagógicos mais adequados para a efetiva aprendizagem de nossas crianças.
Nossa intenção é fortalecer, cada vez mais, a parceria entre nós, educadores, cujo objetivo
comum é a excelência da qualidade de ensino e o desenvolvimento pleno e feliz das potencialidades
de nossos alunos.

Objetivos Gerais da Educação Infantil:

 Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais
independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas
limitações;
 Descobrir e conhecer progressivamente seu próprio corpo, suas
potencialidades e seus limites, desenvolvendo e valorizando hábitos de
cuidado com a própria saúde e bem-estar;
 Estabelecer vínculos afetivos e de troca com adultos e crianças, fortalecendo
sua autoestima e ampliando gradativamente suas possibilidades de
comunicação e interação social;
 Estabelecer e ampliar cada vez mais as relações sociais, aprendendo aos
poucos a articular seus interesses e pontos de vista com os demais, respeitando
a diversidade e desenvolvendo atitudes de ajuda e colaboração;
 Observar e explorar o ambiente com atitude de curiosidade, percebendo-se
cada vez mais como integrante, dependente e agente transformador do meio
ambiente e valorizando atitudes que contribuam para sua conservação;
 Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e
necessidades;
 Utilizar as diferentes linguagens (corporal, musical, plástica, oral e escrita)
ajustadas às diferentes intenções e situações de comunicação, de forma a
compreender e ser compreendido, expressar suas idéias, sentimentos,
necessidades e desejos e avançar no seu processo de construção de
significados, enriquecendo cada vez mais sua capacidade expressiva;
 Conhecer algumas manifestações culturais, demonstrando atitudes de
interesse, respeito e participação frente a elas e valorizando a diversidade.




Receba nossas atividades Digite aqui seu email:

Postar um comentário

Pesquise temas do seu interesse aqui

Seguidores

Este blog está protegido por direitos autorais

É expressamente proibida cópia total ou parcial das atividades artigos e projetos da marca " Meus Trabalhos Pedagógicos ® " e da autora Andreza Melo Menezes.

Google+ Followers

Meus Trabalhos Pedagógicos ®

Postagens populares

Atividades Evangélicas

Desafio Emagrecer

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...